Domingo, 16 de Dezembro de 2018
Fronteira
Douradense morre e esposa fica ferida após ataque de pistoleiros na fronteira
Isaias foi atingido por pelo menos 17 disparos de pistola calibre 9mm e morreu na hora. A mulher dele foi encaminhada pelo Corpo de Bombeiros até o Hospital Regional de Ponta Porã.
29 NOV 2018
Por MS EM FOCO
09:16

Isaias Siqueira Filho foi morto por pelo menos 17 tiros (Foto: Porã News)
O douradense Isaias Siqueira Filho, de 48 anos, morreu na noite desta quarta-feira (28) após ser atacado por pistoleiros no bairro da Granja, em Ponta Porã. Durante o ataque, a esposa dele identificada como Cassandra Lopes, de 38 anos, ficou ferida e outras duas pessoas que não tiveram os nomes revelados não se feriram.

De acordo com o Porã News, as vítimas estavam em um Toyota SW4 cinza, com placas OOR 9802 de Ponta Porã, e ao estacionar o veículo em um restaurante na Avenida Brasil acabaram sendo alvo dos pistoleiros que estavam em um GM Onix.

Isaias foi atingido por pelo menos 17 disparos de pistola calibre 9mm e morreu na hora. A mulher dele foi encaminhada pelo Corpo de Bombeiros até o Hospital Regional de Ponta Porã.

Os outros dois passageiros acabaram deitando no banco traseiro do veículo e saíram ilesos do ataque.

Pouco tempo depois da execução, as autoridades policiais de Ponta Porã receberam a informação de que um veículo com as mesmas características utilizado na execução se encontrava em chamas no bairro da Mooca.

A polícia investiga o caso.


Veículo utilizado no ataque foi encontrado em chamas (Foto: Porã News)