Massacre deixa seis mortos na fronteira

Uma criança ficou ferida e está em observação no hospital.

| JD1 NOTíCIAS


Foram efetuados diversos disparos contra as seis vítimas   (Reprodução)

Seis pessoas morreram e uma criança ficou ferida na madrugada desta quarta-feira (22) durante ataque de pistoleiros em Pedro Juan Caballero, na fronteira com Ponta Porã. De acordo com o site Porã News, o crime ocorreu quando os suspeitos chegaram em um veículo branco e iniciaram o massacre. Cinco jovens e uma mulher, com o seu filho de um ano e 11 meses, estavam no local. Os pistoleiros efetuaram vários disparos de fuzil do calibre 5.56 e pistola do calibre 9mm em direção as vítimas identificadas como Diego Gustavo Bullon Cabrera, 24 anos, Sergio Diosnel Cabrera Benítez, 20 anos, Alcides Alexis Ayala, 26 anos, Pedro Valdez Sánchez, 36 anos, Luciano Medina Melgarejo, 20 anos e Liz Noelia Cabrera Benítez, 16 anos. A criança acabou ferida de raspão por um disparo. Ela foi encaminhada Hospital Regional de Pedro Juan, onde se encontra em observação fora de perigo de morte. Ainda não há informações que teria motivado a execução do grupo. A suspeita é que o atentado tenha mirado Diego, que tem passagem por homicídio.


Curta a página JORNAL RADAR MS e seja o primeiro a saber de todas as notícias do Mato Grosso do Sul.


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE