PSD quer atrair vereadores e lançar ao menos 30 candidatos a prefeito

Intenção do partido é trazer parlamentares de outras legendas durante a janela de março.

| CAMPO GRANDE NEWS / LEONARDO ROCHA


Reunião com integrantes da executiva do PSD. Entre eles o deputado federal Fábio Trad, o deputado Londres Machado e o senador Nelsinho Trad (Foto: Henrique Kawaminami)

O PSD espera lançar no mínimo 30 candidatos a prefeito no Estado, além de atrair novos vereadores para legenda nesta janela partidária. O presidente regional da sigla, o senador Nelsinho Trad (PSD), também garante que haverá prioridade para as mulheres. “Se tiver cidade com uma candidata mulher e outro homem, ela terá preferência'.

O partido realizou reunião da executiva estadual, nesta manhã (28), em Campo Grande. Nelsinho ponderou que neste mês de março o foco será a filiação dos vereadores com mandatos, que desejam deixar suas siglas e migrar para o PSD. “Queremos ampliar os representantes nas Câmaras (Municipais) e não perder nenhum integrante'.

Ele reforçou que a eleição deste ano não terá alianças proporcionais, portanto é preciso montar “chapas puras' de vereadores nos municípios. “Será a primeira experiência com esta regra, então os partidos médios e grandes que não se organizarem, poderão sucumbir'. Em Campo Grande a expectativa é ter 38 candidatos (vereadores).

Para disputa majoritária, a meta é lançar no mínimo 30 candidatos a prefeito. “Ainda vamos definir os nomes, sendo que o prazo será em agosto, durante as convenções'. Nelsinho garante que nas  principais cidades haverá representantes da legenda.

Sobre as (candidatas) mulheres, disse que há uma determinação da direção nacional para dar “prioridade' nas disputas municipais. “Se tiver um homem e uma mulher, daremos preferência para ela. A meta é lançar em cada chapa aos menos 40% de candidatas, quando a lei exige 30%'.

Campo Grande – Nelsinho voltou a dizer que sobre a eleição em Campo Grande, a organização será feita pelo prefeito Marquinhos Trad (PSD), candidato a reeleição. Ele, no entanto, ponderou que a escolha do vice não será tratado neste momento. “Estes candidatos (vices) serão definidos no meio do ano'.

Para compor a chapa de vereadores, o partido já convidou Ademir Santana (PDT), Valdir Gomes (PP), William Maksoud (PMN), Otávio Trad (PTB) e Odilon de Oliveira Jr (PDT) para fazer parte da legenda. Por enquanto a sua bancada tem dois representantes: Chiquinho Telles e Hederson Fritz.


Curta a página JORNAL RADAR MS e seja o primeiro a saber de todas as notícias do Mato Grosso do Sul.


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE