Laticínio Maná doará 180 caixas com 2.160 litros de leite em Glória de Dourados

A Empresa de Derivados Lácteos Maná efetuará a doação de 180 caixas, com 2.160 litros de leite às famílias menos favorecidas pela sorte.

| DEMERVAL NOGUEIRA / RADAR MS


FOTO: Demerval Nogueira

A Empresa de Derivados Lácteos Maná efetuará a doação de 180 caixas, com 2.160 litros de leite às famílias menos favorecidas pela sorte. As caixas de leite serão entregues pela Pastoral da Criança, que tem como presidente a senhora Fátima da Silva, e também será distribuído pelo Conselho dos Evangélicos (UNIGEV), que é representado pelo seu presidente senhor Juvenal Generoso Mariano.
O Laticínio Maná vai distribuir por três meses às famílias que já foram pré-selecionadas pelos dois órgãos. Cada mês serão 180 caixas. A Empresa de Derivados Lácteos Maná, representada pelo gerente geral, senhor Milton César Gomes prestará essa ação social que beneficiará inúmeras famílias, principalmente neste momento de crise em que vivemos com o Coronavírus, chamado de Covid-19.
O gerente da Empresa Maná, Milton César Gomes salienta que, “essa doação tem como alvo atingir os menos favorecidos, as famílias mais carentes do nosso município. Desta forma, acreditamos que estaremos prestando também a nossa colaboração nesses tempos difíceis em que o município vive, não somente o nosso município, mais o Brasil e o mundo estão aflitos e altamente apreensivos com a presença do Covid-19, que tem criado um desgaste sobrenatural e o desaquecimento global, além da provocação de milhares de mortes no mundo inteiro, além dos milhares e milhares de pessoas contaminadas com o Coronavírus, mundialmente”, disse o diretor geral da Empresa Láctea Maná, Milton César.
A Empresa de Derivados Lácteos Maná também estará distribuindo na capital do Estado, Campo Grande, durante três meses, a quantia de 1.200 caixas de leite com 12 unidades cada. O Diretor Presidente do Laticínio Maná, senhor Cleuner Alves afirma que, “acreditamos que é a nossa obrigação de estar prestando à nossa solidariedade àqueles que precisam, principalmente nessas horas difíceis. Sabemos que o mundo vive uma situação caótica, entretanto, nós vamos fazendo a nossa missão aqui, mesmo porque, a missão de solidarizar-se é extremante importante e, pensamos que, todos aqueles que possam fazer algo em benefício dos mais necessitados, também devem fazer”, disse o diretor proprietário do conglomerado Maná, Cleuner Alves.


Curta a página JORNAL RADAR MS e seja o primeiro a saber de todas as notícias do Mato Grosso do Sul.


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE