Homem é espancado após pegar mulher de traficante na capital

No vídeo, o 'talarico' aparece levando pauladas e gritando que quebraram a sua perna. Não foi informado o que aconteceu com ele após o vídeo.

| JD1 NOTíCIAS/MARCOS TENóRIO


Um ex-presidiário, que cumpriu pena de reclusão pelo crime de tráfico de drogas e associação criminosa, foi espancado após pegar mulher de um traficante.  A “cobrança” foi feita pelo traficante ‘Dudu’, que é líder do tráfico no Beco Nipoa, bairro de São Geraldo, zona centro-sul de Manaus, com a ajuda de pelo menos mais duas pessoas.

O homem que aparece nas imagens com as mãos amarradas e sendo castigado foi acusado pelos criminosos de ser um ‘talarico’. É o termo que  populares descrevem sobre um homem ou mulher que se envolve fisicamente ou emocionalmente com a companheira (o) de seus amigos ou comparsas.

Os denunciantes anônimos também denunciam que o Beco Nipoa é uma grande feira a céu aberto do tráfico de drogas no bairro de São Geraldo.

“Já denunciamos mais de mil vezes para a polícia, mas, até hoje, nunca fizeram nada e nós vivemos aqui intimidados pelos traficantes”, afirma um dos denunciantes.

O homem que aparece falando no começo do vídeo é ‘Dudu’, que é acusado de assassinar um padre quando ele ainda era menor de idade.

No vídeo, o ‘talarico’ aparece levando pauladas e gritando que quebraram a sua perna. Não foi informado o que aconteceu com ele após o vídeo.


Curta a página JORNAL RADAR MS e seja o primeiro a saber de todas as notícias do Mato Grosso do Sul.


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE